terça-feira, 21 de agosto de 2012

oferenda para o Minotauro








domingo, 19 de agosto de 2012

cigana


sábado, 18 de agosto de 2012

abismo




Essa noite eu tive um sonho. Bonito, porém estranhíssimo.
Um pássaro, que voava por cima da copa das árvores, se aproximou de mim, e disse:
Confie no sol, e confie na lua, se agarre no vento e quando precisar, poderá se alimentar da terra.
Me empurrou com seu bico para que eu caisse de costas num lago de leite. "Vê, esse é um jardim secreto,com águas cristalinas e calorosas." Me disse para nada temer,e me aconselhou a mergulhar o mais fundo possível, em meio ao abismo desconhecido, e que quando estivesse preparado poderia adentrar a luz,onde não existe segredo. Me disse que um dia tudo será revelado como algo familiar, e assim descobriria
como a matéria se torna energia e como a energia se condensa em matéria.
O pássaro voou para longe.
Permaneci ali nadando livremente para tentar reconhecer aquele lugar.
Finalmente quando me senti preparado para adentrar a luz, despertei.

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

Tilcara








caderno de viagem